20/04/16

Diário da Mini #8 Momento de Reflexão

Fiquei a pensar no quanto eu mudei depois de ler este post do blog Minimal.

Agora é que me dou conta do quanto consumista eu era... Sempre disse que não era mas fui, oh se fui... 
Só para terem uma ideia eu fiz 3 destralhamentos ao meu guarda roupa. Achei que nos 2 primeiros eu tinha dado tudo o que não usava... Neste último, inspirada no método KonMari meti tudo em cima da cama e comecei experimentar tudo e ver o que me assentava bem e por fim escolher o que me fazia feliz. Umas peças voltei a meter no armário e outras foram para dentro do saco... Ontem meti os sacos dentro do carro para ir pôr ao contentor da roupa. 9 sacos de 30lt... 9... Só com roupa, malas e sapatos... Foram 9, não é brincadeira nenhuma... Tive-os lá em casa durante quase 1 mês e não senti falta de nada, mesmo nada...

Agora sim, deixei o armário com espaço, a roupa não está encavalitada e até tenho espaço para os blazers (estavam noutro armário) e para um suporte para guardar as malas (estavam dentro de gavetas) e mais qualquer coisa pois mais de metade está vazia. O meu calçado passou de 4 prateleiras (sapateira) + 1 canto do armário (e estavam todos encavalitados) para 3 prateleiras mal cheias e agora está tudo alinhado e direitinho... 

Passei de 2 gavetas cheias de malas que até não fechavam como deve de ser para 2 cubos do suporte, os restantes 4 cubos estão neste momento vazios :-) São cubos de 30cm por 30cm mais coisa menos coisa e não tenho as malas umas dentro das outras, estão mesmo alinhadas umas ao lado da outras Lol

Agora sim, dá-me gosto abrir a porta do armário e ficar a olhar para tudo tão bem organizado e bonito que está ihihih

Cada vez estou mais selectiva no que compro. Não me deixo levar por modas e modinhas que hoje está em voga e amanhã prontas para deitar fora. Escolho conscientemente e naquilo que sei que nunca vai passar de moda e principalmente naquilo que sei que vou usar mesmo! Neste momento aposto na qualidade e não me importo de dar mais dinheiro por uma peça de roupa. Antes quanto mais barato fosse melhor porque assim com o mesmo valor comprava mais, agora posso só comprar uma mas sei que essa uma é de boa qualidade e vai durante bastante tempo :-)

Uma das coisas que realmente ainda não tinha pensado foi nesta questão que é falada no post: "Quem faz as suas roupas?" Só nós, consumidores temos o poder de mudar este assunto. Cada vez fala mais que esta ou aquela marca utiliza mão de obra barata com condições desumanas e fechamos os olhos pois continuamos a consumir logo continuamos a permitir estes maus tratos. Para alertar para este facto surge agora o movimento Fashion Revoltion, vale a pena ver e vale muito a pena fazer a pergunta #whomademyclothes?

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...